A capital de Tocantins, Palmas, foi a única capital do país que será governada por uma mulher. A nova prefeitura, Cinthia Ribeira, é do partido PSDB e foi eleita ainda no primeiro turno.

Somente uma mulher foi eleita entre as 26 capitais brasileiras. Repetindo o cenário de 2012 e de 2016. Teresa Surita foi a única mulher as vencer uma prefeitura de capital, se elegendo em Boa Vista (RR).

Entre as capitais, a Delegada Danielle (Cidadania), Manuela D’ávila (PCdoB), Marília Arraes (PT), Cristiane Lopes (PP) e Socorro Neri (PSD) estavam disputando a vaga de prefeitura, mas acabaram perdendo a disputa no 2º turno.

Foi o terceiro ano de eleição que a lei 2.034/2009 este em vigor. A lei estabelece que os partidos ou coligações preencherá o mínimo de 30% e o máximo de 70% para candidaturas de cada sexo.

Assinar

Digite seu e-mail para assinar as notificações deste site

Junte-se a 193 outros assinantes